sábado , outubro 23 2021
Home / Destaque / Policiais civis e militares do Ceará são treinados por grupo de elite da polícia francesa

Policiais civis e militares do Ceará são treinados por grupo de elite da polícia francesa

Um grupo de 16 agentes de segurança das Polícias Civil (PC-CE) e Militar do Ceará (PMCE) iniciou, nesta segunda-feira (11), um treinamento com uma equipe do Raid, que é a Força de Intervenção da Polícia Nacional (FIPN) da França. O treinamento tem como objetivo aprimorar técnicas de resgate de vítimas em situações extremas. A capacitação, que inclui simulação de resgates em transportes públicos, deve seguir até o próximo dia 22 deste mês

Na manhã de hoje foi realizada a abertura do curso, com as participações do secretário executivo da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), Samuel Elânio, do delegado geral da PC-CE, Sérgio Santos; do coronel comandante-geral da PM-CE, Márcio Oliveira; da consulesa honorária da França no Ceará, madame Fernanda Veras Carapeba; do adido de Polícia adjunto da Embaixada da França no Brasil, comandante Serge Giordano; além do chefe da Coordenadoria de Recursos e Operações Especiais (Core/PC-CE), delegado Antônio Pastor; e do comandante do Comando de Policiamento de Choque (CPChoque/PMCE), tenente-coronel Sinval Sampaio.

O secretário executivo, Samuel Elânio, falou da expectativa sobre o curso que será ministrado pelo Raid. “O curso inicia hoje e vai perdurar por alguns dias. O Raid é um grupamento tático operacional da polícia francesa e vai trazer bastante conhecimento, tanto para a PMCE, especialmente CPChoque, como para a Core da Polícia Civil”, afirmou.

De acordo com o delegado geral da Polícia Civil, Sérgio Santos, a realização do curso representa uma valorização dos profissionais. “A qualificação do nosso pessoal é a principal arma no combate aos crimes e às organizações criminosas. Existe uma parceria com o governo francês e essa troca ocorre não só na área de investigação, como na parte tática, a exemplo do curso que se inicia hoje. Esse será um importante momento para o intercâmbio de conhecimento”, ressaltou.

O coronel comandante-geral da PMCE, Márcio Oliveira, também ressaltou a valorização da formação dos profissionais da instituição. “A Polícia Militar vem passando nesse novo ciclo

de comando por um grande programa de treinamento, não só das tropas especializadas, como daquelas que fazem o Policiamento Ostensivo Geral (POG). A gente vem, ao longo deste ano, proporcionando aos policiais uma formação qualificada e homogênea para que eles possam dar as tratativas adequadas a todas as ocorrências que lhe são apresentadas, quer seja por acionamento ou por iniciativa das patrulhas que diariamente tiram serviço nesse nosso Estado”, disse.

Os 16 policiais – sendo oito policiais civis da Core e oito policiais militares do CPChoque – terão mais de 80 horas de treinamento intenso entre os dias 11 e 22 deste mês, tendo a maior parte do tempo em aulas práticas, incluindo treinamento de abordagem em domicílios, de revista e procura, liberação de reféns, táticas de intervenções em metrôs e ônibus, além de técnicas de defesa durante uma intervenção e treino de tiro.

Sobre a parceria, a consulesa da França, Fernanda Veras Carapeba, destacou a parceria firmada com a SSPDS. “Daremos início a essa colaboração da França e a Polícia do Ceará e esperamos que muitos bons frutos sejam colhidos dessa experiência e que outras medidas e outras colaborações possam acontecer”, finalizou.

RAID

Criada em 1985, o Raid tem 450 agentes e desde 2009 faz parte da Força de Intervenção da Polícia Nacional (FIPN), uma organização que agrupa diversas unidades. O Raid (sigla que em português significa busca, assistência, intervenção e dissuasão) é considerado uma unidade de elite e opera em toda a França, atuando contra o crime organizado, o terrorismo, a tomada de reféns e todas as formas de criminalidade.

Fonte: www.sspds.ce.gov.br

Postado: Pelo repórter Michel Dantas do site caririverdade.com

Deixe uma resposta