sábado , junho 6 2020
Home / Notícias / Nacional / Ricardo Brennand morre de Covid-19 aos 93 anos

Ricardo Brennand morre de Covid-19 aos 93 anos

O engenheiro era responsável pelo Instituto Brennand, no Recife, e primo do artista plástico e ceramista Francisco Brennand, ao qual pertencia a Oficina Cerâmica Francisco Brennand Ricardo Brennand morreu aos 93 anos Foto: Reprodução TV Globo

Morreu na madrugada deste sábado (25) o empresário e engenheiro pernambucano Ricardo Brennand, aos 93 anos, no Recife. Criador do Instituto Ricardo Brennand, o empresário foi diagnosticado com Covid-19, e estava internado há uma semana na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Real Hospital Português, segundo informou o G1.

Ricardo Brennand deixou esposa e oito filhos, além de 23 netos, 48 bisnetos e uma tataraneta.

Ele é natural do município do Cabo de Santo Agostinho, no Grande Recife, e criador de grandes indústrias: de aço, cimento, vidro e açúcar.

O instituto possui uma coleção de objetos histórico-artísticos de diversas procedências, abrangendo da Baixa Idade Média ao século XXI

Além disso, em uma área de 180 mil metros quadrados, criou um instituto cultural reconhecido mundialmente, com um acervo da história e da arte. O local fica no antigo Engenho São João, no Bairro da Várzea, na Zona Oeste do Recife.

O complexo foi inaugurado há 18 anos, e contou com a presença do príncipe herdeiro da Dinamarca, Frederick Terceiro.

FAMÍLIA BRENNAND

O engenheiro era primo do artista plástico e ceramista Francisco Brennand, morto aos 92 anos por infecção respiratória, no mesmo hospital do Recife, em dezembro do ano passado, segundo o G1. O artista deixou o acervo de obras e esculturas na Oficina Cerâmica Francisco Brennand, uma antiga olaria herdada do pai e que funcionava como museu e ateliê.

Fonte: Diário do nordeste

Postado: Pelo repórter Michel Dantas do site caririverdade.com

Deixe uma resposta