sábado , dezembro 15 2018
Home / Destaque / Número de mortes violentas no Ceará em setembro apresenta redução de 15% em relação a 2017

Número de mortes violentas no Ceará em setembro apresenta redução de 15% em relação a 2017

Foram 391 mortes violentas neste ano, contra 460 no mesmo período

O número de mortes violentas registradas no Ceará durante o último mês de setembro apresentou uma redução de 15% em relação à quantidade de mortes registrada no mesmo mês do ano passado. Os dados foram apresentados nesta quinta-feira (4) em reunião ocorrida na sede da Secretaria de Segurança Pública (SSPDS).

Segundo o secretário de segurança, André Costa, foram 391 mortes violentas neste ano, contra 460 no mesmo período do ano passado, no Ceará. Segundo a SSPDS, o acumulado do anotambém teve uma redução em todo o Estado, com destaque para a Capital e o Interior Sul.

De acordo com o titular da pasta, esse decréscimo, em setembro, também foi alcançado em três regiões do Ceará, com maior destaque para Fortaleza, que registrou uma diminuição de 30,6%, sendo 120 crimes contra a vida, no mês passado, contra 173 , no mesmo período de 2017. Já na Região Metropolitana, a diminuição foi de 14,65%, com 105 mortes contra 123 no mesmo mês do ano anterior. Outro índice favorável foi a redução de 13,55% nas mortes violentas no Interior Sul, caindo de 89 para 77, em setembro. Já no Interior Norte, houve um aumento de 18,7%. Sendo 89 casos contra 75 do mesmo mês de 2017. 

Acumulado do ano

Já no acumulado do ano que corresponde os meses de janeiro a setembro o Ceará também permanece reduzindo os números nos crimes contra a vida. Em consequência às diminuições alcançadas nos últimos seis meses, a taxa em 2018 no Estado em comparação ao mesmo período do ano passado é de -5,2%.

Até setembro, foram 3.501 mortes em 2018, contra 3.693, em 2017. Reduções no acumulado do ano também foram registradas em Fortaleza, passando de 1.431 para 1.157 (-19,1%); e no Interior Sul, quando durante os nove meses de 2017 foram 725 mortes, e no mesmo período deste ano, foram 641 (-11,6%).

Fonte: Diário do Nordeste

Postado: Pelo repórter Michel Dantas do site caririverdade.com

Deixe uma resposta