Por cuidados e atenção, idosas cometem delitos para serem presas

0
12

20% da população carcerária feminina do Japão é composta por mulheres acima dos 65 anos

Reportagem da revista Bloomberg revela um fenômeno crescente no Japão: a prisão de idosas que, para receberem os cuidados na maior parte das vezes não fornecidos pelas famílias, cometem pequenos delitos para serem levadas à cadeia. De acordo com a publicação, a decisão é motivada também pelas condições financeiras, visto que 50% das idosas no país vivem em estado de pobreza.

“Eu estava vivendo sozinha. Costumava viver com a família da minha filha e usei todas as minhas economias cuidando de um genro abusivo e violento”, contou à reportagem uma senhora presa após roubar morangos, arroz e remédios. Outra, detida por furtar um refrigerante e um suco de laranja, disse que quando for solta terá de viver de benefícios do governo equivalentes a R$ 20 por dia. “Não tenho nada para esperar lá fora.”

Também de acordo com a Bloomberg, cerca de 20% da população carcerária feminina no Japão é composta por idosas, 90% das quais detida por cometer pequenos furtos.

Fonte: Notícias ao Minuto

Postado: Pelo repórter Michel Dantas do site caririverdade.com

SEM COMENTÁRIOS