Pressão no momento certo

0
236

No ‘Media Day’ dessa quinta, Aldo diz que Holloway ainda não conhece a força da torcida brasileira José Aldo disse que seu adversário está nervoso e temendo enfrentar ele e a torcida  Foto: Buda

    O clima esquentou no ‘Media Day’ do UFC 212, durante a manhã dessa quinta-feira (1º), no Windsor Barra Hotel, no Rio de Janeiro. Em resposta às declarações do havaiano Max Holloway, que afirmou ganhar ainda mais energia com as provocações da torcida brasileira, josé aldo foi direto e disse que seu desafiante vai sim sentir a pressão vinda das arquibancadas.

O campeão linear da divisão dos penas não economizou nas palavras e soltou o verbo. “Dá (energia) p… Nenhuma! ele nunca lutou com uma pressão dessas, “rapá”. Você vê os olhos de nervoso que ele fica quando a galera coloca pressão nele. É tudo “caô”. É para não transparecer. Ele está nervoso, ansioso”, disse o manauara.

Max Holloway passou a ter um discurso mais respeitador em relação a José Aldo. O brasileiro também falou sobre a nova postura do dono do cinturão interino. “É como eu falo, falar por trás da TV, sabendo que a verdade é outra, é uma coisa. Quando você vê frente a frente, vê quem é quem. Você pode falar para se promover. Ele mudou bastante”, reforçou.

José Aldo e Max Holloway fazem a luta principal do UFC 212 neste sábado (3). O combate vale a unificação do cinturão da categoria peso-pena. Aldo lutou pela última vez em julho de 2016, no UFC 200, quando venceu o americano Frankie Edgar por decisão unânime. O manauara reconquistou o cinturão linear dos penas depois que o irlandês Conor Mcgregor migrou para a divisão de cima (leves).

Já Max Holloway, desbancou o ex-campeão da categoria peso-leve, Anthony Pettis, em dezembro do mesmo ano, por nocaute técnico, conquistando o título interino da divisão dos penas.

Combates

O UFC 212 terá 12 lutas no total, com início previsto para 19h30. Marco Beltrán e Deiveson Alcântara abrem os trabalhos da noite na divisão dos galos. O card preliminar também conta com a participação da cearense Viviane Sucuri, que enfrenta a americana Jamie Moyle pela categoria peso-palha, além do mato-grossense Luan Chagas, que encara Jim Wallhead.

A lenda Vitor Belfort é outra grande atração do card principal. O fenômeno fará a sua última luta do contrato com a organização contra o estadunidense Nate Marquardt.

Hoje, às 9 horas, acontece a pesagem oficial de todos os lutadores do evento.

Já às 19h30, é a vez da cerimônia de pesagem e últimas encaradas antes do evento.

Diário do Nordeste

Postado: pelo Site caririverdade.com

SEM COMENTÁRIOS